Implante Dentário

O Implante Dental é hoje uma das mais avançadas técnicas utilizadas para poder devolver à boca os dentes perdidos, desde um simples dente até a dentição completa.
O Implante é uma peça semelhante a um “parafuso”, feito de Titâneo, que é inserido no osso da maxila ou da mandíbula, onde o paciente apresenta perda dental e que depois de osseointegrado ou integrado ao organismo, vai funcionar como a raiz original do dente perdido e em cima deste parafuso será confeccionado um novo dente ou dentes, dependendo do planejamento.
Apesar de já ser uma opção de tratamento bastante conhecida e divulgada, ainda existem muitas dúvidas em relação a esse tipo de tratamento.

Vamos, portanto, tentar através das principais perguntas, que surgem no consultório no dia a dia, esclarecer sobre o tratamento através dos Implantes:

Pode haver rejeição do Implante?
O implante é produzido com um metal chamado Titâneo, que é biocompatível com o organismo e que inclusive já é usado há muito tempo nas próteses ortopédicas e com excelentes resultados.

Colocar um Implante é dolorido?
Não. Todo o procedimento cirúrgico de instalação do implante é feito sob anestesia local e o paciente uma vez anestesiado, não sentirá dor alguma para a instalação do implante.

Posso colocar Implantes em qualquer lugar onde perdi dentes?
De forma geral os requisitos básicos para a colocação dos implantes são:
• O espaço do dente ausente deve estar preservado para caber um dente ou mais, de tamanho similar ao dente ou dentes perdidos.
• O osso do local deve ter osso suficiente em altura e largura para receber o Implante.
E se não existir osso ou espaço suficiente, não poderei receber um implante?
No caso de falta de espaço existe a possibilidade de através de um tratamento ortodôntico se recuperar esse espaço.
No caso de falta de osso em altura e largura poderemos resolver o problema através de enxerto ósseo.

Quem não se possui mais nenhum dente e utiliza dentaduras, poderá receber Implantes?
Sim, nesses casos é possível se colocar implantes apenas para ajudar na retenção das dentaduras ou até mesmo planejar uma reabilitação completa através de próteses que ficarão fixas na boca e restabelecer uma condição bastante similar à condição natural.

Caso eu precise colocar vários Implantes, posso colocá-los todos ao mesmo tempo?
Sim, é possível receber vários Implantes em um mesmo tempo cirúrgico.

Como é possível saber se tenho osso suficiente para a colocação de Implantes?
É necessário realizar um exame tomográfico da região, que irá mensurar exatamente as medidas do osso, proximidade com os nervos etc... e assim fazer planejamento seguro.

Quanto tempo leva para podermos ter a prótese sobre implante pronta?
O tratamento divide-se em 2 etapas, sendo a primeira a instalação dos implantes e após 3 a 6 meses, período necessário para a formação do osso em volta do implante, é que será confeccionada a prótese sobre o implante.

Terei que ficar sem dente todo esse tempo?
Não. Durante o período de integração do implante, poderá ser confeccionada uma prótese provisória.
Em alguns casos, dependendo de condições específicas, poderemos realizar o implante com “carga imediata”, ou seja, um implante que no mesmo dia da cirurgia recebe a prótese.
Como citado anteriormente, essas são as principais dúvidas que aparecem no consultório em relação aos implantes dentários.

Agende uma visita para esclarecer suas dúvidas ou no email: szequi@uol.com.br


Rua Batataes, 391 • Jd. Paulista • 4º Andar - São Paulo • SP • CEP 01423-010
Nome: 
E-mail:   
Mensagem: